Textos

VIDA PONTUADA
A vida é um ponto de interrogação.
Vivemos a nos perguntar:
Quem somos nós?
De onde viemos?
Para onde vamos?
Na busca incansável por explicações,
Vivemos pontuados de ilusões.

Vamos puxando o fio da meada,
Intrincada e arriscada.
Queremos desfazer os nós,
Desvendar os mistérios,
Entremeados de exclamações.
Apesar de tudo, a vida é bela!

Tecemos sonhos nas entrelinhas,
Nas suas intersecções nos encontramos,
Entre dois pontos nos perdemos,
Entre pausas suspiramos,
Entre vírgulas respiramos,
Entre parênteses nos abrimos e fechamos:
Iniciamos etapas.
Concluímos outras.

A morte não é um ponto final.
Apenas reticências...
Que mistério se esconde
Por trás delas?
Mari Watanabe
Enviado por Mari Watanabe em 28/02/2018
Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários


Imagem de cabeçalho: raneko/flickr