Textos

INSPIRAÇÃO
A poesia viceja em mim.
Chegada a hora, ela aflora.
Vem à tona, transborda
Como água cristalina,
Sonora, tranquila.

Jorra em momentos de calma.
Brota da fonte mais pura,
Quando o pensamento madruga,
O coração silencia
E a alma se agita.
Tudo em perfeita sintonia.

Nessas horas de sonho,
Como oração,
Palavras me vêm à mente.
Cascatas insistentes,
Feito canção,
Com muita emoção.

Acordam dentro de mim
As vozes da minha alma.
Vozes que querem ser ouvidas.
Palavras que cantam
E encantam.
Assim surgem os poemas:
Do fundo da alma,
Plenos!

( publicado em Pétalas ao Vento, p. 19)
Mari Watanabe
Enviado por Mari Watanabe em 20/03/2018
Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários


Imagem de cabeçalho: raneko/flickr